Ministro da Defesa dá novo impulso à cooperação com Espanha, aquisição de equipamentos navais em perspectiva

Novo JornalPublicado 15/03/2017 11:22:00

O ministro da Defesa, João Lourenço, que realizou uma visita de três dias a Espanha, assinou um acordo com a sua homóloga, Maria Dolores Cospedal, que vai permitir aos dois países evoluir para "domínios concretos de cooperação" que envolvem a compra de equipamentos navais por Angola fornecendo o país ibérico a formação de quadros nacionais.

No final desta visita, entre Domingo e terça-feira, a Espanha, João Lourenço, em declarações aos media estatais angolanos, classificou o acordo assinado como como o "instrumento jurídico que estava a faltar" para que os dois países possam agora evoluir para "domínios concretos de cooperação", sublinhando a importância deste documento com o facto de aquele país da Península Ibérica ter uma das melhores marinhas da Europa e do mundo.

O também candidato do MPLA a Presidente da República nas eleições gerais previstas para Agosto próximo sublinhou ainda que Espanha é um país que tem muita experiência para transmitir a Angola em matérias de vigilância e segurança marítima

E lembrou, a propósito, a cooperação na área da indústria da defesa, bem como da formação dos oficiais que acabaram de ser formadores nas áreas de manutenção de paz, no quadro das Nações Unidas ou mesmo da União Africana.

Uma das questões sublinhadas por João Lourenço é o papel que Angola tem e deve manter na manutenção da segurança no Golfo da Guiné, destacando que esse é um assunto que está na agenda do Executivo, mas sublinhou que, para isso, Angola tem de estar "devidamente preparada para tal" e que contará também com o apoio da Espanha.

Recorde-se que Espanha, nos últimos anos, tem tido um papel preponderante na formação em áreas da segurança interna, polícias, na área das Forças Armadas, especialmente na Marinha, sendo ainda de sublinhar a cooperação existente em matérias económicas, com a aposta de Angola na captação de investimento de empresas privadas espanholas para alavancar a diversificação da economia.

Durante esta visita a Espanha, João Lourenço reuniu com o Presidente do Governo espanhol, Mariano Rajoy, mas não foi disponibilizada informação sobre os assuntos discutidos.

Primeira Página