Inventos inventados

Amadeu BatatinhaPublicado 10/05/2017 17:50:00

Todos os anos há angolanos com ideias inovadoras que participam nas feiras locais do inventor e criador, evento este que serve de trampolim para a nossa participação na Feira Internacional de Ideias e Produtos Novos que se realiza anualmente em Nuremberga, na Alemanha.

Invariavelmente Angola vem com medalhas de prata, de ouro e de bronze. As ideias dos angolanos vão desde inovações tecnológicas e softwares até aparelhos ligados aos sectores da construção civil, agricultura e jogos de entretenimento.

A área de mecatrónica tem ganho muito destaque nos últimos anos, pois o uso da robótica no nosso dia-a-dia é cada vez mais frequente, tanto para simples tarefas rotineiras caseiras como nos sectores industriais. Uma coisa é certa, estamos cada vez mais a automatizar a nossa vida, retirando assim a componente humana de muitas tarefas.

Simples tarefas que antes necessitavam do ser humano agora são substituídas por caixas automáticas, cancelas automáticas, check-in online, lavadores de carros automáticos, e até já há restaurantes onde não há empregados para servir à mesa e lojas de conveniência onde não há ninguém a atender. Só ainda não inventaram parlamentos sem políticos, mas um dia, quem sabe...

Voltando ao assunto dos inventos. Recentemente foram distinguidas em Luanda invenções de angolanos criadores e criativos. A invenção vencedora foi uma janela com sistema de raquete eléctrica que consiste em colocar este invento nas janelas para dar cabo dos mosquitos e diminuir o paludismo. Genial, não? Não sei. Estou a ver a quantidade de crianças e mesmo adultos a levarem um choque de vez em quando. Mas este é um problema que pode ser resolvido. O que não pode ser resolvido é que já existe algo parecido mas com um outro nome: tela eléctrica. E até já está patenteada.

Parece-me que muitas das invenções são ideias recicladas de algo que já existe e ao qual é dado um nome diferente e sugestivo. De qualquer forma, cada um pode inventar e procurar os apoios, que não existem, para colocar as suas ideias na prática.

Com tanta imaginação, ideias e inventos, penso vir a participar na próxima feira nacional e quiçá depois prolongar a minha ideia para uma feira internacional com um invento de efeito duplo, extremamente útil para a higiene pessoal: o cotolito.

Um objecto de limpeza que de num extremo é um cotonete e no outro extremo é um palito dos dentes. Espero que ao partilhar desta maneira esta minha inovadora invenção não venha a ser vítima de plágio. Um outro nome que seria apropriado para esta invenção seria o palinete, metade palito e metade cotonete.

Primeira Página