Vandalização de propaganda eleitoral gera tensão

David FilipePublicado 15/07/2017 10:24:00

cções de vandalismo estão a acontecer na calada da noite, quando elementos não identificados rasgam propaganda eleitoral dos partidos que vão concorrer às eleições gerais de 23 de Agosto.

Os actos de destruição de propaganda eleitoral dos partidos políticos que vão concorrer às eleições gerais de 23 de Agosto estão a gerar um clima de tensão no seio das seis organizações políticas.

O partido no poder, MPLA, queixa-se de que há vândalos que estão a actuar pela calada da noite, rasgando a propaganda eleitoral espalhada pelos vários bairros da capital.

"A nossa propaganda é constantemente destruída", reclama o Departamento de Infomação e Propaganda do MPLA.

Por sua vez, o porta-voz da UNITA, Alcides Sakala, acus os militantes do MPLA de estarem a destruir a propaganda do "galo negro".

"Em quase todas as ruas das cidades é visível a destruição de cartazes do nosso partido", garante Sakala.

(Pode continuar a ler esta notícia na edição em papel do Novo Jornal, nas bancas, ou em digital, adquirindo a sua assinatura digital pagando no Multicaixa

Primeira Página