EUA lançaram "mãe de todas as bombas" no Afeganistão

Novo JornalPublicado 13/04/2017 18:31:00

O Departamento de Defesa dos EUA anunciou hoje que lançou no Afeganistão a maior bomba não-nuclear do seu arsenal. Segundo o porta-voz voz do Pentágono, a denominada "mãe de todas as bombas" foi accionada contra homens do Daesh (Estado Islâmico), permanecendo por revelar o impacto da explosão.

Foto: Getty Images

A bomba GBU-43 foi operada pelo Comando de Operações Especiais da Força Aérea dos EUA e lançada na província de Nangarhar, próximo da fronteira com o Paquistão.

De acordo com Adam Stump, porta-voz voz do Pentágono, a poderosa arma - que é a mais potente do arsenal não-nuclear norte-americano -, atingiu grutas que estavam a ser utilizados como esconderijos por militantes do Estado Islâmico, faltando conhecer o número de vítimas.

Com cerca de 10 toneladas de explosivos, o engenho, apelidado de "Mãe de todas as bombas" foi desenvolvido para a Guerra do Iraque, mas é agora usado em combate pela primeira vez.

A acção dos EUA reforça os receios de uma eventual deriva armada da administração Trump, uma semana depois de o país ter atacado uma base militar na Síria.

Primeira Página