Huambo inaugura festival literário para celebrar a Dipanda

Novo JornalPublicado 27/10/2016 11:33:00

A cidade do planalto central realiza, de 1 a 15 de Novembro, o 1.º Festival Nacional do Livro e do Escritor e a Semana Angolavante, iniciativas incluídas nas comemorações do 41.º aniversário da Independência nacional, que se celebra a 11 de Novembro.

Foto: DR

A literatura vai ser uma das principais atracções dos festejos da Dipanda no Huambo, palco do 1.º Festival Nacional do Livro e do Escritor. O evento, que acontece de 1 a 15 de Novembro, vai decorrer sob o lema "Huambo Rumo à Capital da Literatura" e "Poesia Angolana".

O programa inclui, além do lançamento de livros e da presença de autores - como a brasileira Ana Maria Stoppa, madrinha da Associação Literária e Cultural de Angola (ALCA) -, a realização de seminários e palestras.

Entre os temas escalados para debate encontram-se a "Metodologia de Produção de obras literárias infantis", "A História dos Símbolos Nacionais e Estratégia de marketing aplicada à venda de livros", "O Impacto da Literatura Infanto-juvenil e o Meio Ambiente" e a "Cobertura dos Media sobre Acções Literárias e Culturais em Angola".

O festival reserva ainda a apresentação dos livros "Porque as Mulheres Traem? Reflexão e Makas", de Adilson Salvador, e de "Lições de Amor" e "Recado", da autoria do advogado Rikc Dionis.

Para além das incursões por páginas de escrita, a iniciativa antecipa saraus culturais com poesia, dança, trova, teatro, humor e música folclórica e lírica.

Primeira Página