Shoprite investe 600 milhões de dólares no país

Isabel Costa BordaloPublicado 17/04/2017 9:23:00

Quinze novos centros comerciais e 19 supermercados integram a expansão da rede Shoprite em Angola. O projecto prevê criar 5.623 postos de trabalho nos próximos cinco anos.

Foto: Paulino Londa

A Shoprite Internacional vai investir perto de 600 milhões de dólares no plano de expansão do grupo em Angola, num projecto que prevê a criação de 5.623 postos de trabalho em 11 províncias, nos próximos cinco anos, dos quais apenas 10 serão destinados a trabalhadores estrangeiros.

Com este projecto, aprovado por um despacho presidencial de 10 de Abril deste ano, o grupo sul-africano e maior retalhista de produtos alimentares africano pretende aumentar e potenciar a sua rede de retalho em Angola, constituída actualmente por 28 lojas, edificando centros comerciais, supermercados e um armazém.

O projecto abrange ainda melhoramentos em estruturas já existentes das sociedades que o grupo detém em Angola, designadamente a Shoprite Supermercados, o Mercado Fresco de Angola e a Shoprite Angola - Imobiliária, empresas que, na sua totalidade, empregam perto de 3.500 pessoas.

Ao todo o contrato de investimento prevê a criação de 15 centros comerciais, 22 supermercados (3 deles já abertos em 2015), um armazém e duas estruturas residenciais para quadros. Serão ainda realizados melhoramentos em quatro supermercados já existentes em Angola, um dos 15 países africanos onde o grupo está presente.

O investimento, fixado em 571 milhões e 749 mil dólares americanos, destina-se ainda a adquirir bens e equipamentos para fornecer e equipar todas as estruturas comerciais actuais, dotando-as de tecnologia e equipamentos mais recente, e aquelas que serão criadas nos próximos anos.

O dinheiro que será investido provém de fundos próprios do grupo, em moeda estrangeira, que irão aumentar as disponibilidades cambiais e o equilíbrio da balança de pagamentos.

(Leia este artigo na íntegra na edição 478 do Novo Jornal, nas bancas e também disponível por assinatura digital, que pode pagar no Multicaixa)

Primeira Página