Incêndio gigantesco em prédio de 24 andares em Londres, número indeterminado de mortos

Novo Jornal OnlinePublicado 14/06/2017 10:23:00

Um prédio de 24 andares em Londres, capital do Reino Unidos, ficou totalmente destruído num incêndio que começou de madrugada e fez um número indeterminado de mortos, que os bombeiros locais admitem ser elevado. Há mais de 50 pessoas hospitalizadas.

A torre residencial localizada na zona de Lancaster West Estate ardeu quase na totalidade durante várias horas apesar do forte dispositivo dos bombeiros enviado para combater as chamas, admitindo as autoridades que existe o risco de colapso da estrutura.

"Nesta altura, é com tristeza que posso confirmar que houve um número de mortes. Não posso confirmar o número agora, devido ao tamanho e complexidade do edifício", explicou Dany Cotton, porta-voz dos bombeiros da capital britânica.

A imprensa londrina cita testemunhas que viram pessoas a saltar pelas janelas e famílias inteiras encarceradas nos apartamentos sem hipótese de fuga às chamas.

Muitos dos mais de 100 apartamentos do edifício eram habitados por famílias estrangeiras, não havendo, até ao momento, notícia de angolanos a residir neste prédio de 24 andares.

Para já, sabe-se que os sistemas de alarme de incêndio do prédio não funcionaram e que os moradores já tinham alertado para estas falhas e para o risco de incêndio.

Ainda não são conhecidas as causas da deflagração das chamas, que foram combatidas por duas centenas de bombeiros e cerca de 50 viaturas.

O mayor de Londres, Sadiq Khan, considerou que se tratou de um incêndio de grande gravidade e prometeu um inquérito rigoroso para apurar as causas e as responsabilidades.

Primeira Página