Novo Jornal

Os poemas de "coração aberto" da professora Gina 

O livro "Segredos de coração dorido", da autoria da professora Gina de Castro, ou Georgina Louro, é hoje apresentado em Luanda, às 18h30, no Camões - Centro Cultural Português. A obra inclui 50 poemas, escritos no período entre 1947 e 1994.


Mutamba

No ano passado, 11.827 pessoas, entre nacionais e estrangeiros, visitaram o museu dos Reis do Kongo, na cidade de Mbanza Kongo, capital da província do Zaire. A cifra representa uma subida para mais do triplo dos valores registados em 2015, ano encerrado com 3.409 visitas.


Mutamba

O músico Joaquim Martins, mais conhecido por Mister K, e popularizado pela ligação ao grupo Kalibrados, está detido desde a semana passada em Viana, por suspeitas de tráfico de droga, confirmou ao Novo Jornal online fonte policial.




Mutamba

Depois de ontem ter anunciado que a edição de 2016 do prémio literário "Sagrada Esperança" estava cancelada "por razões financeiras", o Ministério da Cultura emitiu hoje um comunicado em que informa que afinal está a avaliar as obras concorrentes.






Mutamba

Ferreira Gullar, brasileiro, poeta, escritor de memórias e... Prémio Camões em 2010, autor de inúmeras obras como "Um pouco acima do chão", de 1949, ou "Poema sujo", de 1976, morreu ontem no Rio de Janeiro aos 86 anos, de insuficiência respiratória.




Mutamba

Quase dois anos depois da formalização da candidatura de Mbanza Kongo a património mundial da UNESCO, a cidade da província do Zaire volta a estar sob foco, com a realização da "III Mesa Redonda Internacional sobre Mbanza Kongo, Cidade a Desenterrar para Preservar". O evento, que decorre até amanhã, foi hoje inaugurado pela ministra da Cultura, que apelou ao envolvimento de outros países no estudo da herança do antigo Reino do Kongo.


Reportagem'

Novas centralidades, velhos problemas... do fascínio à frustração

Depois da atracção inicial, a Centralidade do Sequele, Cacuaco, como nas outras erguidas na periferia de Luanda, assistiu a uma corrida aos seus apartamentos, mas, agora, começam a surgir os problemas e, em muitos casos, a frustração que leva à saída de moradores porque não conseguem suportar os custos do ensino dos filhos, os hospitais estão longe... sem esquecer a despesa mensal com o combustível.

Primeira Página